Apresentação
A hortofruticultura apresenta um elevado potencial de desenvolvimento, quer em Portugal, quer em países com climas tropicais e subtropicais. Num quadro de globalização de mercados, este mestrado é essencial para a formação especializada em hortofruticultura, para a melhoria da qualidade dos produtos, para o aumento da rentabilidade económica das culturas e para o uso racional  e sustentável dos fatores de produção.

Objetivos

  • Formar especialistas em toda a fileira de produção e comercialização hortofrutícola, capazes de inovar no planeamento, implementação e controlo de sistemas e práticas agrícolas e agroalimentares

Competências

Capacidade para planear, implementar e controlar atividades na fileira hortofrutícola.

Especialização

Conforme previsto no art.º 14 do Regulamento nº 646/2015  este ciclo de estudos integra:

  • Um curso de especialização, constituído por um conjunto organizado de unidades curriculares, denominado curso de mestrado, a que corresponde um mínimo de 50% do total dos ECTS do ciclo de estudos
  • Uma dissertação de natureza científica ou um trabalho de projeto originais e especialmente realizados para este fim, ou um estágio de natureza profissional objeto de relatório final, consoante os objetivos específicos visados nos termos das respetivas normas regulamentares, a que corresponde um mínimo de 30 ECTS

Os interessados em frequentar apenas o primeiro ano do curso terão direito a um diploma de curso de especialização, após aprovação nas Unidades Curriculares respetivas.

História

Curso criado em 2007 (Deliberação n.º 1117/2008, publicada no DR, 2ª s, n.º 74 de 15 de abril de 2008) alterado em 2013 (Despacho 1861/2013, publicado no DR, 2ªs, n.º  22, de 31.01.2013) e em 2018 (Aviso n.º 3301/2018, publicado no DR, 2ª s, n.º 51, 13 de março 2018), alterado em 2020 (Aviso 10890/2020, DR, 2ª s, n.º 144 de 27 de julho)

Propina anual e taxas 2022/2023

Candidatos nacionais: 1100 Euros

Candidatos internacionais**: 4000 Euros

Taxa de candidatura: 50 Euros

Taxa de inscrição e seguro escolar: 175 Euros

Nota: A propina deste curso pode ser paga em 10 prestações, sendo a primeira no ato da matrícula e as restantes nos meses de outubro, novembro, dezembro, janeiro, fevereiro, março, abril, maio e junho.

* de acordo com o Decreto-lei n.º36/2014, alterado pelo Decreto-Lei nº 62/2018, de 6 de agosto, são considerados estudantes internacionais os nacionais de um estado que não seja membro da União Europeia e que não residam legalmente em Portugal há mais de dois anos, de forma ininterrupta, em 1 de janeiro do ano em que pretendem ingressar no ensino superior.

* os estudantes internacionais que tenham concluído o curso de licenciatura na UAlg pagarão a propina como candidato nacional (Despacho RT.59/2022).

As candidaturas são realizadas no Portal do Candidato, que é disponibilizado no separador "Candidaturas"
 
Saídas Profissionais

Os mestres em Hortofruticultura têm acesso a uma ampla gama de saídas profissionais, numa área em que há carência de técnicos qualificados.

O curso está estruturado para formar especialistas com perfil adequado para trabalhar no planeamento e na implementação da produção, conservação, transformação e comercialização dos produtos hortofrutícolas.

Poderão ainda enveredar pela investigação, fundamental ou aplicada, na área agroalimentar, ou criar empresas inovadoras da fileira hortofrutícola.