Apresentação
A Bioquímica é uma ciência interdisciplinar que utiliza estratégias e métodos de todas as Ciências Exatas e Naturais, em particular da Matemática (Cálculo e Estatística), da Física (Espectroscopia, Mecânica Quântica, Eletricidade), da Química (Análise e Síntese), da Biologia (Fisiologia, Genética, Microbiologia, Ecologia) e da Farmacologia (Toxicologia). Representa uma área essencial para as sociedades contemporâneas uma vez que se debruça sobre questões de extrema importância nas áreas da saúde e do ambiente. Cientistas com formação em Bioquímica obtiveram, nos últimos anos, o Nobel de Química e o Nobel de Fisiologia e Medicina.

Objetivos

O objetivo do curso é formar licenciados com uma formação sólida em Bioquímica que lhes permita interpretar, sob o ponto de vista molecular, os processos que ocorrem nos sistemas biológicos, com implicações nas áreas da saúde e do ambiente.

Competências

Os conhecimentos e competências adquiridos permitem intervir na investigação científica, na inovação e desenvolvimento e na prestação de serviços nas áreas da saúde, ambiente e indústria.

Legislação Aplicável

O curso de licenciatura em Bioquímica foi criado em 1993, por deliberação do Senado Universitário (Deliberação SU 8/93) e posteriormente alterado (Deliberação SU 5/96, publicada no D.R. 2ª s, n.º 53, em 04 de março de 1997). Foi reestruturado em 2007 (Deliberação n.º 2272-A/2007, publicada no DR, 2ª s, n.º 215 em 8 de novembro de 2007) e adequado a Bolonha em 2008 (Deliberação n.º 1561/2008, publicada no DR, 2ª s, n.º 108, de 5 de junho). Foi alterado em 2012 (Despacho n.º 8363/2012, publicado no DR, 2ªs, n.º 119, de 21 de junho), em 2013 (Desp n.º 10864/2013, publicado DR  2ª s, n.º 161,  22 de agosto), em 2015 (Aviso n.º 10807/2015, publicado DR, 2ª s, n.º 186, 23 de setembro e retificado por Decl. retificação n.º 680/2016, publicada no DR, 2ª s, n.º 121, 27 de junho de 2016) e em 2018 (Aviso n.º 12822/2018, pub, DR, 2ª s, n.º 172, 6 de setembro de 2018, retificado pela Declaração Retif n.º 348/2018, pub DR, 2ª s, n.º 90, 10 de maio de 2018) e alterado em 2020 (Aviso 10229/2020, DR, 2ª s, nº 132 de 9 de julho).

A candidatura ao ensino superior público é feita anualmente através de concurso nacional e concursos especiais.
Documento
 
Saídas Profissionais
  • Prosseguimento de estudos com vista à obtenção de mestrado e de doutoramento em universidades e instituições nacionais ou estrangeiras
  • Laboratórios de investigação do Estado ou de universidades, e de instituições científicas
  • Laboratórios de análises clínicas, de análises de águas e de diagnóstico molecular
  • Laboratórios de investigação ou de controlo de qualidade a nível da indústria
  • Técnico de Laboratório (indústrias química, biotecnológica, farmacêutica e alimentar)
  • Técnico Comercial (instrumentação para laboratório, reagentes químicos e moleculares para laboratório e produtos farmacêuticos)