Silhueta de pessoa indiferenciada

Luís Filipe Simões Dias de Oliveira

Professor auxiliar
Subsistema
Docentes Universitário
Unidade ID externa
Instituto de Estudos Medievais (IEM)
Regime
Exclusividade
Vínculo
CT em Funções Públicas por tempo indeterminado
Licenciado em História pela Universidade de Lisboa e Doutor em História Medieval pela Universidade do Algarve, é professor auxiliar da Faculdade de Ciências Humanas e Sociais dessa Universidade. É investigador integrado do Instituto de Estudos Medievais (I.E.M.) da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa, e colaborador do Centro de Estudos de História Religiosa da Universidade Católica. Faz parte, desde 2007, do Conselho de Redacção da revista Medievalista, editada pelo I.E.M, sendo actualmente o director da revista. É ainda membro do Conselho Científico das revistas Alcanate: Revista de estudios Alfonsíes, da Universidade de Sevilha, E-Strategica, da Associação Ibérica de História Militar e Estudios Medievales Hispánicos, da Universidade Autónoma de Madrid. Publicou vários livros e cerca de uma centena de trabalhos em revistas da especialidade, em obras colectivas e em entradas de Catálogos, de Dicionários e de Enciclopédias no país e no estrangeiro. Nos últimos anos, tem trabalhado sobre o Algarve Medieval e, sobretudo, sobre as ordens militares, os discursos de justificação da guerra (cruzada e reconquista), ou sobre a presença e a influência das milícias nas cidades medievais.

Atividades

Atividades
2022/07/25. Júri de grau académico. O Cristianismo Primitivo em Portugal. Presidente do júri. Alexandra Guedes (Mestrado). Universidade do Algarve Faculdade de Ciências Humanas e Sociais.
2021/10 - 2022/05/28. Organização de evento. Membro da Comissão Organizadora do IX Congresso de Estudos Rurais e X Encontro Rural
RePort, promovido pela Sociedade Portuguesa de Estudos Rurais, pela Rede de História Rural em Português,
e pela FCT e FCHS-UAlg. Local: Universidade do Algarve. Data: 26, 27 e 28 de Maio de 2022.
https://sper.pt/cer2022/comissao-organizadora/ (2022). Universidade do Algarve Faculdade de Ciências Humanas e Sociais; Universidade do Algarve Faculdade de Ciências e Tecnologia; Sociedade Portuguesa de Estudos Rurais.
2022/04 - 2022/04. Arbitragem científica em revista. Ordines Militares Colloquia Torunensia Historica. Yearbook for the Study of the Military Orders (0867-2008).
2019 - 2022/04/20. Orientação. A Imagem do Reino de Portugal e do Algarve na Crónica de 1419.História e Património (Mestrado). Orientador.
2022/04/20. Júri de grau académico. A IMAGEM DO REINO DE PORTUGAL E DO ALGARVE NA CRÓNICA DE 1419. Orientador. Rafaela Barreto Sequeira (Mestrado). Universidade do Algarve Faculdade de Ciências Humanas e Sociais.
2022/02 - 2022/02. Arbitragem científica em conferência. Medieval Europe in Motion V - Materialities and Devotion (5th-15th centuries). Batalha.
2022/02/03. Júri de grau académico. A Ordem do Templo em Portugal: Homens, Património e Poderes. Arguente. Rui Manuel Fugueiredo Nobre (Doutoramento). Universidade de Coimbra Departamento de História Estudos Europeus Arqueologia e Artes.
2022/01/19. Júri de grau académico. A História da Capoeira no Algarve. Presidente do júri. José Valentim Viana Cordeiro (Mestrado). Universidade do Algarve Faculdade de Ciências Humanas e Sociais.
2021. Júri de grau académico. La Orden de Santiago a través de la cultura material: los señoríos de La Mancha y Uclés a finales de la Edad Media (siglos XV y principios del XVI). Vogal. JAIME GARCÍA-CARPINTERO LÓPEZ DE MOTA (Doutoramento). Universidad de Castilla-La Mancha.
2021/12/10. Júri de grau académico. A Canga Vareira no Concelho da Murtosa (Aveiro). Presidente do júri. Universidade do Algarve, FCHS, Mestrado em História e Patrimónios, variante em História da Arte, Pre (Mestrado). Universidade do Algarve Faculdade de Ciências Humanas e Sociais.
2021/11/26. Júri de grau académico. Estudo sobre o Juízo Final no Túmulo de D. Inês de Castro. Presidente do júri. Melissa Camacho de Barros (Mestrado). Universidade do Algarve Faculdade de Ciências Humanas e Sociais.
2021/11/26. Júri de grau académico. O Infante D. João (1400-1442): A afirmação de um Infante desconhecido entre a família real e os desafios políticos. Arguente. João Pedro Santos Alves (Mestrado). Universidade do Porto Faculdade de Letras.
2021/11/19. Júri de grau académico. A Sé de Silves: Entre a Escultura Monumental e os programas de Imagens. Presidente do júri. Estêvão Sardinha de Araújo (Mestrado). Universidade do Algarve Faculdade de Ciências Humanas e Sociais.
Consultoria / Parecer. Revisor de capítulo sobre o passado e o presente na Historia Ierosolimitana de Baldric de Bourgueil, inserido em livro da Colecção Estudos & Colóquios do CIDEHUS.. Universidade de Évora Centro Interdisciplinar de História Culturas e Sociedades.
Consultoria / Parecer. Revisor de capítulo sobre a reconquista na historiografia portuguesa, inserido em livro sobre a Reconquista a ser publicado pela Universidade Autónoma de Madrid. Universidad Autónoma de Madrid.
2021/07 - 2021/07. Arbitragem científica em revista. Cuadernos de Estudios Gallegos (ISSN: 0210-847X). Instituto de Estudios Gallegos Padre Sarmiento.
2021/07/05. Júri de grau académico. La Orden Militar de Santiago y su relación con la Corona de Castilla durante el Reinado de los Primeros Trastámara (1366-1406). Arguente principal. Milagros Plaza Pedroche (Doutoramento). Universidad de Castilla-La Mancha, Facultad de Letras.
Consultoria / Parecer. Revisor de capítulo sobre a heráldica do arcebispo de Braga, Lourenço Vicente.. Universidade Nova de Lisboa Instituto de Estudos Medievais.
2021/06/07. Júri de grau académico. A(s) Chaminé(s) do Algarve. Presidente do júri. Lydia Soeiro Santos (Mestrado). Universidade do Algarve Faculdade de Ciências Humanas e Sociais.
2021/06/01. Júri de grau académico. A Diplomacia dos Reis de Portugal nos Finais da Idade Média (1433-1495). Arguente principal. Diogo Nuno Machado Pinto Faria (Doutoramento). Universidade do Porto Faculdade de Letras.
2021/05/26. Júri de grau académico. Esposas de Cristo. As Comunidades Cistercienses Femininas na Idade Média.. Vogal. Luís Miguel Malva de Jesus Rêpas (Doutoramento). Universidade de Coimbra Departamento de História Estudos Europeus Arqueologia e Artes.
2021/05/22 - 2021/05/23. Organização de evento. Coordenador Científico do 17º Curso Livre sobre Ordens Militares: As Casas das Ordens Militares (2021). Universidade Nova de Lisboa Instituto de Estudos Medievais; Câmara Municipal de Palmela.
Consultoria / Parecer. Revisor científico de capítulo sobre a barregania e a mancebia para a Omni Tempore ( ISBN 978-989-8969-08-8). Universidade do Porto Faculdade de Letras.
2021/04/08. Júri de grau académico. A Pesca no Algarve Medieval. Vogal. José Marcelino Correia Castanheira (Mestrado). Universidade do Algarve Faculdade de Ciências Humanas e Sociais.
2019/09 - 2021/04/08. Orientação. A Pesca no Algarve Medieval.História e Patrimónios (Mestrado). Orientador.
2021/02/02. Júri de grau académico. As Portas do Mar Oceano: Vilas e Cidades Portuárias do Algarve na Idade Média (1249-1521). Arguente. GONÇALO MIGUEL CORREIA MELO DA SILVA (Doutoramento). Universidade Nova de Lisboa Faculdade de Ciências Sociais e Humanas.
2017 - 2020. Membro de comissão. Membro da coordenação científica (2017-2020) do estudo histórico e arqueológico, e de valorização e musealização do conjunto patrimonial formado pelos Banhos Islâmicos e pelo Paço Medieval do centro urbano de Loulé. Membro.
2015 - 2020. Membro de comissão. Membro do Conselho Científico da E-STRATEGICA. Revista da Associação Ibérica de História Militar, Cáceres-Coimbra (2015-2020). Membro.
2018 - 2020. Membro de comissão. Membro do Conselho Científico de Alcanate: Revista de Estudios Alfonsíes (2018-2020). Membro.
2012 - 2020. Membro de comissão. Membro do Conselho Científico da Revista Estudios Medievales Hispánicos, Madrid, Universidade Autónoma (2012-20120). Universidad Autónoma de Madrid.
2008 - 2020. Membro de comissão. Membro do Conselho de Redacção (2008-2020) da revista Medievalista- on line.. Membro.
2020 - 2020. Arbitragem científica em revista. E-STRATEGICA. Revista da Associação Ibérica de História Militar, Cáceres-Coimbra. Associação Ibérica de História Militar, Cáceres-Coimbra.
2020/11/19. Júri de grau académico. A Vila e as Gentes de Sines: Dos tempos medievais à época moderna. Vogal. Teresa Mafalda Guinote Correia (Mestrado). Universidade do Algarve Faculdade de Ciências Humanas e Sociais.
2018 - 2020/11/19. Orientação. A Vila e as Gentes de Sines: Dos tempos medievais à época moderna.História e Patrimónios (Mestrado). Orientador.
2020/10 - 2020/10/30. Arbitragem científica em conferência. II Colóquio da Rede In_SCIT Pequenas Cidades e Ambiente (da Idade Média à Época Contemporânea) . Castelo de Vide.
2020/10 - 2020/10/23. Arbitragem científica em conferência. LOCI SEPULCRALES . International Conference on PANTHEONS AND OTHER PLACES OF MEMORY AND BURIAL IN THE MIDDLE AGES . Batalha.
Consultoria / Parecer. Parecer sobre livro proposto para publicação na Routledge, com a edição e estudo das narrativas latinas de conquista de Santarém e de Alcácer do Sal.. Routledge.
2020/08 - 2020/08. Arbitragem científica em revista. Alcanate. Revista de Estudios Alfonsíes. Universidade de Sevilha.
Consultoria / Parecer. Revisor científico de capítulo sobre ordens militares e sociedades multi-étnicas, de livro coordenado por Francesco Renzi e Joana Gomes, intitulado Churches, Power and territories: new perspectives on medieval european ecclesiastical History (11th-14th centuries).. Universidade Católica Portuguesa Centro Regional do Porto; Universidade do Porto.
2020/04 - 2020/04. Arbitragem científica em revista. e-journal of Portuguesese History. Brown University (USA); Universidade do Porto (Portugal).
2020/03/09. Júri de grau académico. Memória e Imaginário em Quatro Relatos de Conquista. Arguente. Isabel Marcante Margarida Quadrado (Mestrado). Universidade Aberta.
Consultoria / Parecer. Revisor de capítulo sobre o senhorio da Lourinhã, insero em livro sobre o arcebispo de Braga D. Lourenço Vicente. , a ser publicado pelo IEM e pelo Centro de Estudos Históricos da Lourinhã. Universidade Nova de Lisboa Instituto de Estudos Medievais.
2020/02/07 - Presente. Membro de comissão. Diretor da Medievalista. Diretor. Universidade Nova de Lisboa Instituto de Estudos Medievais.
2019. Júri de grau académico. Arquivos e práticas arquivísticas de famílias de elite (Portugal, séculos XV-XVII). Vogal. Alice Borges Gago (Doutoramento). Universidade Nova de Lisboa Faculdade de Ciências Sociais e Humanas.
2019 - 2019. Organização de evento. Membro da Comissão Científica do VIII Encontro Sobre Ordens Militares, Ordens Militares: Identidade e Mudança, Palmela, 12 a 16 de Junho de 2019 (2019).
Consultoria / Parecer. Revisor científico de capítulo de livro sobre Arquivos de Família coordenado por Maria de Lurdes Rosa, Rita Sampaio da Nóvoa, Alice Borges Gago e Maria João da Câmara.. Universidade de Coimbra; Universidade Nova de Lisboa Instituto de Estudos Medievais.
Consultoria / Parecer. Revisor científico de capítulo de livro coordenado por Francesco Renzi e Joana Gomes, intitulado Churches, Power and territories: new perspectives on medieval european ecclesiastical History (11th-14th centuries)..
Consultoria / Parecer. Revisor científico de capítulo sobre a construção cronística da memória, inserido em livro da Coleção Biblioteca¿ Estudos & Colóquios, editada pelo CIDEHUS da Universidade de Évora. . Universidade de Évora Centro Interdisciplinar de História Culturas e Sociedades.
2018 - 2019/12/12. Orientação. As mulheres à margem do Direito Medieval.Mestrado em História do Mediterrâneo Islâmico e Medieval (Mestrado). Coorientador.
2019/12/12. Júri de grau académico. As mulheres à margem do Direito Medieval. Orientador. Helena Trigatti (Mestrado). Universidade de Évora Escola de Ciências Sociais;Universidade do Algarve Faculdade de Ciências Humanas e Sociais;Universidade de Lisboa Faculdade de Letras.
2019 - 2019/11/16. Organização de evento. Membro da Comissão Organizadora do XXXIX Encontro da Associação Portuguesa de História Económica e Social: Circulações: entre o local e o global, Faro, Universidade do Algarve, 15-16 Novembro 2019 (2019). Universidade do Algarve Faculdade de Ciências Humanas e Sociais; Associação Portuguesa de História Económica e Social.
Consultoria / Parecer. Revisor científico de capítulo sobre convento capucho do Algarve do livro As Arquitecturas da Alma, coordenado por Rolando Volzone e João Luís Fontes.. Universidade Nova de Lisboa Instituto de Estudos Medievais.
Consultoria / Parecer. Revisor científico de capítulo sobre a relação do arcebispo de Braga com o abade de Alcobaça, inserido em livro sobre o arcebispo de Braga, D. Lourenço Vicente, a ser publicado pelo IEM e pelo Centro de Estudos Históricos da Lourinhã.. Universidade Nova de Lisboa Instituto de Estudos Medievais.
2018. Júri de grau académico. As Memórias de Santiago: Do Património aos Itinerários dos Peregrinos. Orientador. Susana Martins Sousa (Mestrado). Universidade do Algarve Escola Superior de Gestão Hotelaria e Turismo.
2018 - 2018. Arbitragem científica em revista. Estudios Medievales Hispánicos (2254-2906). Servicio de Publicaciones de la Universidad Autonoma de Madrid.
2018 - 2018. Arbitragem científica em revista. Anuario de Estudios Medievales (1988-4230). Editorial CSIC.
2018 - 2018. Arbitragem científica em revista. O Arqueólogo Português. Museu Nacional de Arqueologia -DGPC.
2018/11 - 2018/11. Organização de evento. Membro da Comissão Científica do ICYRMA - International Congress for Young Researchers in
Middle Ages¿ (2018). Universidade de Évora.
2018/03/06. Júri de grau académico. A Mesa da Consciência e Ordens o tenha assim entendido. Vogal. Nelson Manuel Vaquinhas (Doutoramento). Universidade de Évora Escola de Ciências Sociais.
2017. Júri de grau académico. Da Vila ao Termo. O Território de Loulé na Baixa Idade Média. Orientador. Cristóvão Almeida (Mestrado). Universidade do Algarve Faculdade de Ciências Humanas e Sociais.
2017 - 2017. Organização de evento. Membro da Comissão Organizadora do Congresso Internacional "A Nova Lisboa Medieval" -1147-1217: Caminhos do Ocidente e do Oriente", Lisboa, 23 a 25 de Outubro 2017 (2017). Universidade Nova de Lisboa Instituto de Estudos Medievais.
2017 - 2017. Membro de comissão. Comissário científico do núcleo medieval da exposição Loulé: Territórios, Memórias, Identidades, inaugurada no Museu Nacional de Arqueologia, a 21 de Junho de 2017. Museu Nacional de Arqueologia.
2017 - 2017. Arbitragem científica em revista. STVDIA HISTORICA – Historia Medieval. Universidad de Salamanca.
2016/11 - 2017. Comissão de avaliação. Membro do júri do concurso de bolsas de doutoramento e pós-doutoramento da FCT (concurso de 2016, concluído em 2017).. Fundação para a Ciência e a Tecnologia.
Consultoria / Parecer. Arbitragem de livro sobre história medieval portuguesa, a editar pelo CIDEHUS. Universidade de Évora Centro Interdisciplinar de História Culturas e Sociedades.
2015 - 2017/07/10. Orientação. As memórias de Santiago: do património aos itinerários dos peregrinos..Mestrado em Marketing Turístico, (Mestrado). Orientador.
2015 - 2017/07/07. Orientação. Da Vila ao Termo. O Território de Loulé na Baixa Idade Média..Mestrado em História e Patrimónios (Mestrado). Orientador.
2016. Júri de grau académico. O Imaginário das Ilhas Atlânticas no universo medieval islâmico-cristão. Vogal. Amanda Santos Coelho (Mestrado). Universidade de Lisboa Faculdade de Letras;Universidade do Algarve Faculdade de Ciências Humanas e Sociais;Universidade de Évora Escola de Ciências Sociais.
2016 - 2016. Arbitragem científica em revista. População e Sociedade. Centro de Estudos da População Economia e Sociedade.
2016 - 2016. Arbitragem científica em revista. Revista Portuguesa de História (0870-4147). Coimbra University Press.
2016 - 2016. Comissão de avaliação. Membro do júri do prémio António Rosa Mendes de ensaio histórico, no valor de 10 mil Euros, atribuído pela C. M. de Vila Real de Stº António.
2012 - 2016/07/11. Orientação. Palmela. O espaço e as gentes (séculos XII-XVI). Coorientador.
2016 - 2016/06/18. Organização de evento. Membro da Comissão Organizadora do Encontro com a História, apoiado pelo Campo Arqueológico de Mértola, pelo IEM e pelo CEAAUCP e pelas Universidaes do Algarve, de Evora e de Coimbra, Mértola, 17 -18 Junho 2016 (2016). Campo Arqueológico de Mértola; Universidade Nova de Lisboa Instituto de Estudos Medievais; Universidade do Algarve; Universidade de Lisboa Faculdade de Letras.
2016 - 2016/04. Arbitragem científica em conferência. VIII Workshop de Estudos Medievais, do Curso de Mestrado em Estudos Medievais. Universidade do Porto.
2015. Júri de grau académico. Les ulama à la veille de la bataille d'al-Ksar al-Kibir: Fatwa contre l'alliance de mawlãy al-Mutawakkil avec D. Sebastião. Vogal. Zakia Adli (Mestrado). Universidade do Algarve Faculdade de Ciências Humanas e Sociais;Universidade de Lisboa Faculdade de Letras;Universidade de Évora Escola de Ciências Sociais.
2015. Júri de grau académico. Ibn Marwan e a fitna: Islamismo e Feudalismo no Gharb al-Andalus. Vogal. Augusto Fernando Nunes (Mestrado). Universidade de Lisboa Faculdade de Letras;Universidade de Évora Escola de Ciências Sociais;Universidade do Algarve Faculdade de Ciências Humanas e Sociais.
2015. Júri de grau académico. Linhas de Água (Re)construídas no Barrocal Algarvio: Sistemas de reaproveitamento de água de nascente para rega e moagem. Arguente. Marco António Barão (Mestrado). Universidade do Algarve Faculdade de Ciências Humanas e Sociais.
2015. Júri de grau académico. Cacela-a-Velha no contexto da actividade marítima e do povoamento rural do Sudoeste peninsular nos séculos XII-XIV.. Cristina Teté Garcia (Doutoramento). Universidad de Huelva Departamento de Historia I.
2015 - 2015. Organização de evento. Membro da Comissão Científica do Colóquio sobre Património fortificado, organizado pela Câmara Municipal de Évora e pela Universidade do Algarve (2015). Universidade do Algarve; Câmara Municipal de Évora.
2015 - 2015. Arbitragem científica em revista. Anuario de Estudios Medievales (1988-4230). Editorial CSIC.
2015 - 2015. Arbitragem científica em revista. BUCEMA - Bulletin du centre d'études médiévales d'Auxerre.
2015 - 2015. Comissão de avaliação. Membro do júri do prémio António Rosa Mendes de ensaio histórico, no valor de 10 mil Euros, atribuído pela C. M. de Vila Real de Stº António.
2015 - 2015/11. Organização de evento. Membro da Comissão Organizadora do IV Colóquio Nova Lisboa Medieval: Os Territórios de Lisboa, Lisboa, IEM; Novembro 2015 (2015). Universidade Nova de Lisboa Instituto de Estudos Medievais.
2015 - 2015/10. Organização de evento. Membro da Comissão Científica do VII Encontro sobre as Ordens Militares (14 a 17 de Outubro de 2015) (2015).
2015 - 2015/09. Organização de evento. Membro da Comissão Organizadora do Seminário Internacional, As Revistas de Ciências Sociais e os seus Desafios, Lisboa, Medevalista-on line / IEM, Setembro de 2015 (2015). Universidade Nova de Lisboa Instituto de Estudos Medievais.
2015 - 2015/05. Arbitragem científica em conferência. CIATMO - Colóquio Internacional sobre Arquitectura Tradicional do Mediterrâneo Ocidental. Campo Arqueológico de Mértola.
2015 - 2015/04. Arbitragem científica em conferência. VII Workshop de Estudos Medievais, do Curso de Mestrado em Estudos Medievais da Universidade do Porto. Universidade do Porto.
2014. Júri de grau académico. Paradigmas de Liminariedade no Entre-Douro-e-Tejo: Um Interface Arqueológico de Poderes (987-1131). Vogal. Gonçalo Baeta Ramos (Mestrado). Universidade de Lisboa Faculdade de Letras;Universidade do Algarve Faculdade de Ciências Humanas e Sociais;Universidade de Évora Escola de Ciências Sociais.
2014 - 2014. Arbitragem científica em conferência. Congresso Internacional "O Mediterrâneo e o Sul ibérico: Cultura, Identidade e Património (séculos V-XV)". Universidade de Évora.
2014 - 2014. Organização de evento. Consultor científico do 13º Curso Livre Sobre Ordens Militares, dedicado às Comendas Urbanas e organizado pelo GESOS/Município de Palmela e pela Universidade do Algarve (2014). Universidade do Algarve Faculdade de Ciências Humanas e Sociais.
2013. Júri de grau académico. Le Mensonge qui imitait La Vérité. Vogal. Priscilia Domingos Gomes (Mestrado). Universidade do Algarve Faculdade de Ciências Humanas e Sociais.
2013. Júri de grau académico. Águas do Quotidiano. Estruturas Habitacionais Islâmicas no Território Algarvio. Presidente do júri. Maria José Godinho Coelho Belo Santos Serra (Mestrado). Universidade do Algarve Faculdade de Ciências Humanas e Sociais.
2013. Júri de grau académico. Francisco Fernandes Lopes (1884-1969), historiador do Algarve. Presidente do júri. Andreia Lopes Fidalgo (Mestrado). Universidade do Algarve Faculdade de Ciências Humanas e Sociais.
2013. Júri de grau académico. A Tecelagem Tradicional Algarvia: A última tecedeira de Monchique. Vogal. Selma Eduarda Moita da Silva Pereira (Mestrado). Universidade do Algarve Faculdade de Ciências Humanas e Sociais.
Consultoria / Parecer. Arbitragem científica de livro de história medieval portuguesa a publicar pelo CIDEHUS. Universidade de Évora Centro Interdisciplinar de História Culturas e Sociedades.
Consultoria / Parecer. Arbitragem científica de livro sobre história militar a editar pela Imprensa da Universidade de Coimbra.. Universidade de Coimbra.
2013 - 2013/11. Organização de evento. Membro da Comissão Organizadora do III Colóquio Nova Lisboa Medieval: Os espaços e os poderes, Universidade Nova de Lisboa, Novembro de 2013 (2013). Universidade Nova de Lisboa Instituto de Estudos Medievais.
2013 - 2013/04. Arbitragem científica em conferência. V Workshop de Estudos Medievais, do Curso de Mestrado em Estudos Medievais da Universidade do Porto. Porto.
2013 - 2013/04/20. Organização de evento. Membro da Comissão Organizadora do Colóquio em Homenagem a Cláudio Torres (19 e 20 de Abril, 2013), promovido pelo mestrado em História do Mediterrâneo Islâmico e medieval que decorreu na Fac. de Letras da Universidade de Lisboa. (2013). Universidade do Algarve Faculdade de Ciências Humanas e Sociais; Universidade de Évora Escola de Ciências Sociais; Universidade de Lisboa Faculdade de Letras; Campo Arqueológico de Mértola.
2009 - 2012. Orientação. As representações das conquistas cristãs: Lisboa (1147) e Silves (1189)..Mestrado em Portugal Islâmico e o Mediterrâneo (Mestrado). Orientador.
2009 - 2012. Orientação. Circulação monetária na Urbe de Faro. O sítio da Horta da Misericórdia (1185-1481)..Mestrado em Portugal Islâmico e o MediterrÂneo (Mestrado). Coorientador.
2010 - 2012. Orientação. As Ordens Militares na Cultura Escrita da Nobreza (1240-1380). Representações nas cantigas de escárnio e de mal dizer e nos nobiliários portugueses.Mestrado em História – área de especialização em História Medieval (Mestrado). Coorientador.
2012. Júri de grau académico. O Arrabalde da Bela Fria. Contributos para o estudo da Tavira Islâmica. Vogal. Sandra Cristina Costa Fialho Palma Cavaco (Mestrado). Universidade do Algarve Faculdade de Ciências Humanas e Sociais.
2012. Júri de grau académico. A mão que protege e a mão que chama. Orientalismo e Efabulação em torno de um objecto simbólico do Mediterrâneo. Vogal. Luís Filipe de Almeida Vitória Maçarico (Mestrado). Universidade do Algarve Faculdade de Ciências Humanas e Sociais.
2012. Júri de grau académico. O Adufe: contexto histórico e musicológico. Vogal. Ana Carina Marques Dias (Mestrado). Universidade do Algarve Faculdade de Ciências Humanas e Sociais.
2012. Júri de grau académico. Parecer sobre a dissertação apresentada na Universidade de Granada, para obtenção do grau de doutor, subordinada ao tema Frontera, Medio Ambiente Y Organización del Espacio: De la Cuenca del Guadiana a Sierra Morena (Edad Media), no âmbito de um Doutoramento Europeu.. Clara Almagro Vidal (Doutoramento). Universidad de Granada.
2012. Júri de grau académico. Da «Pobre Vida» à congregação da Serra de Ossa: Génese e institucionalização de uma experiência eremítica (1366-1510I. Arguente. João Luís Inglês Fontes (Doutoramento). Universidade Nova de Lisboa Faculdade de Ciências Sociais e Humanas.
2012. Júri de grau académico. As Ordens Militares na Cultura Escrita da Nobreza (1240-1380). Representações nas cantigas de escárnio e de mal dizer e nos nobiliários portugueses. Orientador. Cláudio André Conceição do Nascimento Neto (Mestrado). Universidade Nova de Lisboa Faculdade de Ciências Sociais e Humanas.
2012. Júri de grau académico. As representações das conquistas cristãs das cidades do Sul. Orientador. Ana Isabel Vale-Viga de Azevedo (Mestrado). Universidade do Algarve Faculdade de Ciências Humanas e Sociais.
2012. Júri de grau académico. Circulação monetária na Urbe de Faro. O sítio da Horta da Misericórdia (1185-1481). Vogal. Marco Paulo Gouveia Ferreira Valente (Mestrado). Universidade do Algarve Faculdade de Ciências Humanas e Sociais.
2012 - 2012. Arbitragem científica em revista. Estudios Medievales Hispánicos (2254-2906). Servicio de Publicaciones de la Universidad Autonoma de Madrid.
2012 - 2012. Arbitragem científica em revista. Cultura. Revista de História e Teoria das Ideias.
2009 - 2011. Orientação. A mão que protege e a mão que chama. Orientalismo e Efabulação em torno de um objecto simbólico do Mediterrâneo..Mestrado em Portugal Islâmico e o Mediterrâneo (Mestrado). Coorientador.
2009 - 2011. Orientação. O Arrabalde da Bela Fria. Contributos para o estudo da Tavira Islâmica..Mestrado em Portugal Islâmico e o Mediterrâneo. Coorientador.
2011. Júri de grau académico. In Oboedientia, Sine Proprio, et in Castitate, Sub Clausura. A Ordem de Santa Clara em Portugal (sécs. XII-XV).. Vogal. Maria Filomena Pimentel de Carvalho Andrade (Doutoramento). Universidade Nova de Lisboa Faculdade de Ciências Sociais e Humanas.
2011. Júri de grau académico. Mutações do Espaço Rural: Estudo de caso – freguesia do Azinhal. Vogal. Maria José Lopes Antunes Pedro (Mestrado). Universidade do Algarve Faculdade de Ciências Humanas e Sociais.
2008 - 2010. Orientação. Palmela nos finais da Idade Média. Estudo do Códice da Visitação e Tombo de Propriedades da Ordem de Santiago de 1510..Mestrado em História Medieval (Mestrado). Coorientador.
2010. Júri de grau académico. Estruturas Militares Arquitectónicas de Defesa da Ria Formosa. Vogal. Leonor Mendes Nobre de Sousa (Mestrado). Universidade do Algarve Faculdade de Ciências Humanas e Sociais.
2010. Júri de grau académico. Palmela nos finais da Idade Média. Estudo do Códice da Visitação e Tombo de Propriedades da Ordem de Santiago de 1510. Vogal. João Tiago dos Santos Costa (Mestrado). Universidade Nova de Lisboa Faculdade de Ciências Sociais e Humanas.
2010 - 2010. Organização de evento. Ciclo de Conferências sobre Ordens Militares, que contou com a participação de Carlos de Ayala Martínez, da Universidade Autónoma de Madrid, de Philippe Josserand, da Universidade de Nantes, de Helen Nicholson, da Universidade de Cardiff, de Damien Carraz, da Universidade de Clermont-Ferrand, e de Pierre Vincent-Claverie, investigador independente (2010). Universidade Nova de Lisboa Instituto de Estudos Medievais.
2010 - 2010/03/14. Organização de evento. Membro da Comissão Científica do VI Encontro sobre Ordens Militares. As Ordens Militares. Freires, Guerreiros, Cavaleiros. Palmela, 10 a 14 Março 2010. (2010).
2007 - 2009. Orientação. Estruturas Militares Arquitectónicas de Defesa da Ria Formosa.Mestrado em Arqueologia (Mestrado). Coorientador.
2008 - 2009. Comissão de avaliação. Membro da equipa internacional (19 membros) de colaboradores permanentes de Prier et Combattre. Dictionaire européen des ordres militaires au Moyen Age, dir. por N. Bériou e Ph. Josserand, Paris, Fayard, 2009.
2009 - 2009/10/23. Organização de evento. Membro da Comissão Organizadora de Élites et Ordres Militaires au Moyen Age. Rencontre en l’honneur d’Alain Demurger, Lyon, Institut de Sciences de l’Homme, 21 a 23 Outubro 2009 (2009). Université de Lyon.
2009 - 2009/02. Organização de evento. Membro da Comissão Organizadora do IX Curso Livre Sobre Ordens Militares, subordinado ao tema Ordens Militares e Religiosidade, Palmela, Fevereiro 2009. (2009).
2008. Júri de grau académico. A Arquitectura Monástica e Conventual Feminina em Portugal, nos séculos XIII e XIV.
. Vogal. Francisco Manuel de Almeida Correia Teixeira (Doutoramento). Universidade do Algarve Faculdade de Ciências Humanas e Sociais.
2008 - 2008/11/29. Organização de evento. Membro do Conselho Científico do VIII Congresso dos Monumentos Militares sob o tema “A Fortificação Costeira: dos primórdios à modernidade” realizado na Universidade do Algarve. (2008). Universidade do Algarve Faculdade de Ciências Humanas e Sociais.
2008 - 2008/09/19. Organização de evento. Membro da Comissão Organizadora do V Seminário do Instituto de Estudos Medievais. O Medievalismo hoje: estado da questão e desafios, promovido pelo I.E.M. da FCSH da Universidade Nova de Lisboa. (2008). Universidade Nova de Lisboa Instituto de Estudos Medievais.
2004 - 2004/12. Organização de evento. Membro da Comissão Organizadora do II Colóquio Nova Lisboa Medieval. Os Rostos da Cidade, Lisboa (Dezembro, 2004). (2004). Universidade Nova de Lisboa Instituto de Estudos Medievais.
1996 - 1996/11/08. Organização de evento. Membro da Comissão Organizadora do II Encontro de Arqueologia do Sudoeste Peninsular (Faro, 7 e 8 Novembro de 1996). (1996). Universidade do Algarve Faculdade de Ciências Humanas e Sociais.

Projetos

Projetos
2022/09/01 - 2026/09/01. Conflictividad religiosa en la Edad Media peninsular: confrontación, coexistencia y convivencia (PID2021-123762NB-I00). Investigador. Universidade Autónoma de Madrid.
2019/03/18 - 2022/03/17. Balsa - em busca das Origens do Algarve, 9471 - RIDTI. Investigador. Universidade do Algarve; Universidade do Algarve - Campus de Gambelas.
2016 - 2020/12/31. CONFRONTATIO. Violencia religiosa en la Edad Media peninsular: guerra, discurso apologético y relato historiográfico (ss. X-XV) (HAR2016-74968-P). Investigador. Universidade Autónoma de Madrid.
2012 - 2015. Génesis y Desarollo de la guerra santa cristiana en la Edad Media del Occidente peninsular (ss. X-XIV) (HAR2012-32790). Investigador.
2007/06 - 2012/01. Lower nobility and "nobreza da terra" in the formation of the Empire: the atlantic archipels. Investigador.
2007/01 - 2009/04. The History of Alentejo, 12th-20th centuries. Improving the empirical basis of historical knowledge. Investigador.
2005/09 - 2007/02. The History of Alentejo, 12th-20th centuries. Improving the empirical basis of historical knowledge. Investigador.
2001 - 2004. Paisagens Rurais e Urbanas entre a Idade Média e os Tempos Modernos. Fontes para o seu Estudo (POCTI/HAR/35069/99). Investigador. Universidade Nova de Lisboa Centro de Estudos Históricos.

Produções

Oliveira, Luís Filipe. 2022. "1128 - Fighting in the Name of Faith: Military Orders in Portugal". Em The Global History of Portugal. From Prehistory to the Modern World, 107-112. Brighton-Chicago-Toronto: Sussex Academic Press.
Oliveira, Luís Filipe. 2022. "Um olhar pelo Algarve". Em Faro 2027, E Agora ?, 46-49. Faro, Portugal.
Costa, Paula Pinto; Oliveira, Luís Filipe; Josserand, Philippe. 2022. "Três olhares sobre a Ordem do Templo em Portugal". Medievalista online, (32). https://doi.org/10.4000/medievalista.5720
Oliveira, Luís Filipe. 2022. "Recensão de ALBARRÁN, Javier, Ejércitos benditos: Yihad y Memoria en Al-Andalus (Siglos X-XIII).". Lusitania Sacra, (44): 253-257. https://revistas.ucp.pt/index.php/lusitaniasacra/article/view/11587
Oliveira, Luís Filipe. 2021. "Das memórias de Paio Peres Correia à Crónica do Mestre: Os testemunhos portugueses". Em Memoria y fuentes de la guerra santa peninsular (ss. X-XV), editado por Carlos de Ayala Martínez; Francisco García Fitz; J. Santiago Palacios Ontalva, 331-348. Gijón, Espanha: Ediciones Trea.
Oliveira, Luís Filipe. 2021. "From the East to the West: The Military Orders - A Foreword". Medievalista, (30). https://doi.org/10.4000/medievalista.4475
Oliveira, Luís Filipe. 2021. "Para uma interpretação do Algarve Medieval". Anais do Município de Faro, 43: 123-137.
Oliveira, Luís Filipe. 2021. "Os Encontros de Palmela e as Ordens Militares em Portugal". Em Ordens Militares, Identidade e Mudança. Textos selecionados do VIII Encontro sobre Ordens Militares, 2021., editado por Isabel Cristina F. Fernandes (coord.), 31-50. Vol. 1. Palmela: GEsOS-Município de Palmela.
Oliveira, Luís Filipe. 2020. "Do sítio e do mar: Um olhar sobre Tavira na Idade Média". Em A Principal do Reino do Algarve. Tavira nos séculos XV e XVI, 13-26. Tavira, Portugal: Museu Municipal de Tavira- Palácio da Galeria.
Oliveira, Luís Filipe. 2020. "De volta à normativa da Ordem de Calatrava: Novo testemunho das Definições de finais do século XIII". En la España Medieval, 43: 009-026. https://doi.org/10.5209/elem.68637
Oliveira, Luís Filipe. 2020. "«Os tempos da cruzada, da conversão e do martírio» ". Em Guerreiros e Mártires. A cristandade e o Islão na formação de Portugal. ISBN 978-972-2728-44-7, editado por Joaquim Oliveira Caetano; Santiago Macias, 44-53. Lisboa, Portugal: Museu Nacional de Arte Antiga-Imprensa Nacional-Casa da Moeda.
Oliveira, Luís Filipe. 2020. "De Leão a Portugal: A Ordem Militar de Santiago". Ad limina, 11: 129-152. https://www.caminodesantiago.gal/pt/conhecimento-e-investigacao/ad-limina
Oliveira, Luís Filipe. 2020. "1128. Combater em nome da fé: as ordens militares em Portugal". Em História Global de Portugal, editado por Bernardo Vasconcelos e Sousa; Carlos Fiolhais; José Eduardo Franco; José Pedro Paiva, 195-202. Lisboa, Portugal: Círculo de Leitores.
Oliveira, Luís Filipe. 2019. "La conquête de Ceuta et le chemin de Jérusalem". Em Croisades en Afrique. Les expéditions occidentales à destination du continent africain, XIIIe-XVIe siècle, editado por Benjamin Weber, 171-193. Toulouse, França: Presses universitaires du Septentrion.
Oliveira, Luís Filipe. 2019. "Também para o estudo do Algarve". Al-ulya. Revista do Arquivo Municipal de Loulé, (21): 97-102.
Oliveira, Luís Filipe. 2019. "Recensão a Clara Almagro Vidal, Paisajes medievales en el Campo de Calatrava, Madrid, La Ergástula, Col. Serie Histórica 8, 2016, 354 págs. ISBN: 978-84-16242-15-3". Medievalismo. Boletín de la Sociedad Espanola de Estudios Medievales (ISSN: 1131-8155), (29): 441-444.
Oliveira, Luís Filipe. 2019. "Da Reconquista e da Cruzada na Fronteira Portuguesa". Em La Reconquista: Ideologia y justificación de la Guerra Santa peninsular., editado por Carlos de Ayala Martínez; Isabel Cristina Fernandes; J. Santiago Palacios Ontalva, 123-140. Madrid, Espanha: La Ergástula.
Oliveira, Luís Filipe. 2019. "As Ordens Militares e o Mar: Problemas e perspectivas". Em O Mar como Futuro de Portugal (c.1223-c.1448): A propósito da contratação de Manuel Pessanha como Almirante por D. Dinis, 127-146. Lisboa, Portugal: Academia da Marinha (XV Simpósio de História Marítima, 14 a 16 de Novembro de 2017). https://academia.marinha.pt/pt/academiademarinha/Edies/Final%20-%20XV%20Simposio%20Historia%20Maritima.pdf
Oliveira, Luís Filipe. 2018. "Luís Coutinho (1452-1453)". Em Bispos e Arcebispos de Lisboa, editado por João Luís Inglês Fontes, 503-514. Lisboa, Portugal: Horizonte.
Oliveira, Luís Filipe; Mário Farelo. 2018. "Jaime de Portugal (1453-1459)". Em Bispos e Arcebispos de Lisboa, editado por Fontes,João Luís Inglês, 515-530. Lisboa, Portugal: Horizonte.
Oliveira, Luís Filipe. 2018. "Uma História às Avessas: A Historiografia do Templo em Portugal". Em Entre Deus e o Rei: O mundo das Ordens Militares, Palmela, 2018, vol. 2, pp. 671-684, editado por Isabel Cristina Fernandes, 671-684. Vol. 2. Palmela, Portugal: C. M. Palmela.
Oliveira, Luís Filipe. 2018. "Guerra e Religião: As narrativas de conquista das cidades do Sul". Em Hombres de religión y guerra: Cruzada y guerra santa en la Edad Media peninsular (siglos X-XV), editado por Carlos de Ayala Martínez; J. Santiago Palacios Ontalva, 513-540. Madrid, Espanha: Sílex.
Oliveira, Luís Filipe. 2018. "A conquista, o orago e os priores de Loulé". Em Atas. I Encontro de História de Loulé, Loulé, 73-90. Loulé, Portugal: Arquivo Municipal de Loulé.
Oliveira, Luís Filipe. "Para a História de Rio Maior na Idade Média". O Riomaiorense, 11ª Série, 31 de dezembro, 2018: 1-6. http://www.oriomaiorense.com/rio-maior-na-idade-media
Oliveira, Luís Filipe. 2017. VII. Época Medieval. Do Islão à Cristandade, in Loulé. Territórios, Memórias, Identidades. Editado por Luís Filipe Oliveira. Lisboa, Portugal: INCM.
Oliveira, Luís Filipe. 2017. "A conquista e a soberania do Algarve". Em Loulé: Territórios, Memórias, Identidades, editado por Luís Filipe Oliveira, 574-581. Lisboa, Portugal: INCM.
Oliveira, Luís Filipe. 2017. "O Foral Novo de Faro e a Reforma dos Forais". Em O Foral de Faro de 1504: Apresentação e edição, 9-17. Faro, Portugal: C. M. Faro / DGPC.
Oliveira, Luís Filipe. 2017. "Prefácio". Prefácio para Da vila ao termo: O território de Loulé na Baixa Idade Média, Loulé, 7-8.
Oliveira, Luís Filipe; Susana Gomez Martínez. 2017. Saberes da Água. Museu Nacional de Arqueologia - INCM.
Oliveira, Luís Filipe. 2017. Aprestos de Guerra. Museu Nacional de Arqueologia- INCM.
Oliveira, Luís Filipe. "Da conquista e do Reino do Algarve". Jornal do Algarve, Suplemento sobre o Tratado de Badajoz, 09 de março, 2017: 2-3.
Fontes, João Luís Inglês; Oliveira, Luís Filipe Simões Dias de; Tente, Catarina; Farelo, Mário Sérgio da Silva; Martins, Miguel António Gomes; Instituto de Estudos Medievais (IEM). 2016. Lisboa Medieval: Gentes, Espaços e Poderes. Lisboa, Portugal: IEM – Instituto de Estudos Medievais. http://hdl.handle.net/10362/41601
Bernardo Vasconcelos e Sousa; Luís Filipe Oliveira. 2016. "10 Anos da Medievalista: As Revistas de Ciências Sociais e os seus Desafios. FCSH, Lisboa, 25 de Setembro 2015". Medievalista online. http://journals.openedition.org/medievalista/1036
Luís Filipe Oliveira; João Luís Inglês Fontes. 2016. "VII Encontro Internacional sobre Ordens Militares - Entre Deus e o Rei: O mundo das Ordens Militares". Medievalista online. http://journals.openedition.org/medievalista/1038
Luís Filipe Oliveira; Oliveira, Luís Filipe. 2016. "A guerra e os freires nas inquirições régias do século xiii". Em Orígenes y Desarrollo de La Guerra Santa en la Península Ibérica. Palavras e Imagens para una legitimación (siglos X-XIV), editado por Patrick Henriet; Carlos de Ayala Martínez; J. Santiago Palacios Ontalva, 187-206. Madrid, Espanha: Casa de Velázquez. http://books.openedition.org/cvz/316
Oliveira, Luís Filipe. 2016. As Comendas Urbanas das Ordens Militares.. Lisboa, Portugal: Colibri.
Oliveira, Luís Filipe. 2016. "Da defesa da fronteira à guerra no mar: A Coroa e as Ordens Militares". Em Guerra santa y cruzada en el Estrecho: El occidente peninsular en la primera mitad del Siglo XIV, editado por Carlos de Ayala Martínez; J. Santiago Palacios Ontalva; Martín Rios Saloma, 275-296. Madrid, Espanha: Sílex.
Oliveira, Luís Filipe. 2016. "As Ordens Militares e as Cidades". Em As Comendas Urbanas das Ordens Militares, 9-20. Lisboa, Portugal: Colibri.
Oliveira, Luís Filipe. 2016. "As Ordens Militares". Em Ordens Religiosas em Portugal – Das Origens a Trento. Guia Histórico , 453-502. 3ªª ed. Lisboa, Portugal: Horizonte.
Luís Filipe Oliveira. 2015. "La sociologie des ordres militaires: Une enquête à poursuivre". Em Élites et Ordres Militaires au Moyen Âge. Rencontre autor D’Alain Demurger, editado por Philippe Jossserand; Luís Filipe Oliveira; Damien Carraz, 155-168. Madrid, Espanha: Casa de Velásquez. http://books.openedition.org/cvz/1277
Philippe Josserand; Luís Filipe Oliveira; Damien Carraz. 2015. Élites et ordres militaires au Moyen Âge. . Rencontre autor D’Alain Demurger. Editado por Philippe Josserand. Madrid, Espanha: Casa de Velázquez. http://books.openedition.org/cvz/1250
Oliveira, Luís Filipe. 2015. "Do património aos familiares: As ordens militares nas inquirições de 1220". Em Inquirir na Idade Média: Espaços, protagonistas e poderes (sécs. XII-XIV). Tributo a Luís Krus., editado por Amélia Aguiar Andrade; João Luís Inglês Fontes, 211-223. Lisboa, Portugal: Instituto de Estudos Medievais.
Oliveira, Luís Filipe. 2015. "Recensão a Damien Carraz (dir.), Les Ordres Militaires Dans La Ville Médiévale (1100-1350): Actes du colloque international de Clermont-Ferrand, 26-28 mai 2010, Clermont-Ferrand, Presses Universitaires Blaise-Pascal, 2013". Lusitânia Sacra, (31): 232-235.
Oliveira, Luís Filipe. 2015. "A Cruzada e o Ultramar: Dos trovadores ao conde de Barcelos". Em Cristãos contra muçulmanos na idade média peninsular. Bases ideológicas e doutrinais de uma confrontação (séculos x-xiv)» / Cristianos contra musulmanes en la edad media peninsular.bases ideológicas y doctrinales de una confrontación (siglos x-xiv), editado por Isabel Cristina Fernandes; Carlos de Ayala Martínez, 323-335. Palmela, Portugal: Colibri / Universidade Autónoma de Madrid.
Oliveira, Luís Filipe. 2015. "A História, o arquivo e os documentos". Em Patrimónios de Influência Portuguesa: modos de olhar, editado por Margarida Calafate Ribeiro; Walter Rossa, 305-327. Coimbra, Portugal: Imprensa da Universidade.
Oliveira, Luís Filipe. 2015. "Em torno da normativa da Ordem de Calatrava: As Definições do século XIII". Em Cister e as Ordens Militares na Idade Média: Guerra, Igreja e Vida Religiosa, editado por José Albuquerque Carreiras; Carlos de Ayala Martínez, 103-136. Tomar, Portugal: Studium Cistercium et Militarium Ordinum.
Oliveira, Luís Filipe; João Pedro Bernardes. 2015. "On the trilogy of the Mediterranean diet". Em Dimensions of the Mediterranean diet: World cultural heritage, 135-151. Faro: Universidade do Algarve.
Oliveira, Luís Filipe. 2015. Chancelaria de Pedro I. IEM- Arquivo Nacional Torre do Tombo: Anões Às Costas de Gigantes do Passado. Poder, Mitos e Memórias na Sociedade Medieval. Contributos de Luís Krus: .
Oliveira, Luís Filipe. 2015. "A Ordem de Santiago no Portugal Medieval". Em Guerra e Paz. A Ordem de Santiago em Portugal, editado por Isabel Cristina Fernandes, 39-41. Lisboa, Portugal: Museu da Presidência - C. M. Palmela.
Oliveira, Luís Filipe. 2015. Bula Pastoralis officii de Nicolau IV. Museu da Presidência - C. M. Palmela.
Oliveira, Luís Filipe. 2015. Foral de Garvão. Museu da Presidência - C.M. Palmela.
Oliveira, Luís Filipe. 2015. Doação de Sancho I à Ordem de Santiago. Museu da Presidência - C. M. Palmela.
Bernardes, João Pedro; Oliveira, Luís Filipe; Moreira, Ricardo; Valente, Teresa. 2014. "PATRIMÓNIO CULTURAL EDIFICADO: Reflexões em torno da gestão do Património Classificado". Revista Lusófona de Estudos Culturais, 2 (2): 34-52. https://doi.org/10.21814/rlec.66
Oliveira, Luís Filipe. 2014. "Os Estabelecimentos da Ordem de Santiago em 1389". Medievalismo. Boletín de la Sociedad Espanola de Estudios Medievales (ISSN: 1131-8155), 24: 307-319. http://hdl.handle.net/10400.1/10864
Luís Filipe Oliveira; João Luís Inglês Fontes. 2014. "III Colóquio «A Nova Lisboa Medieval»: Gentes, Espaços e Poderes". Medievalista online. http://journals.openedition.org/medievalista/335
Oliveira, Luís Filipe. 2014. "A Ordem de Santiago e a Conquista das Terras do Sul (Sécs. XII-XIII)". Em La Orden Militar de Santiago. Fortificaciones Y Encomiendas. Actas del Congresso. , 89-102. Estepa, Espanha: Cuadernos de Estepa, nº 3.
Luís Filipe Oliveira. 2013. "Em torno da sociologia das ordens militares na Idade Média". Revista Portuguesa de História, (44): 59-78. https://doi.org/10.14195/0870-4147_44_3
Bernardes, João Pedro; Moreira, Ricardo; Oliveira, Luís Filipe. 2013. Património e território: relatório final. http://hdl.handle.net/10400.1/10577
Oliveira, Luís Filipe. 2013. "Dos Castelos às Ordens Militares: Os espaços da vida religiosa e comunitária". Em Castelos das Ordens Militares. Actas de Encontro Internacional, editado por Isabel Cristina Fernandes; Bernardo Vasconcelos e Sousa; Luís Filipe Oliveira, 389-408. 3ªª ed. Vol. 2. Lisboa, Portugal: Direção-Geral do Património Cultural.
Oliveira, Luís Filipe. 2013. Quintas de Cultura. Faro, Portugal: Universidade do Algarve - Direção Regional da Cultura do Algarve.
Oliveira, Luís Filipe. 2012. "The Military Orders in the Twelfth-Fourteenth Centuries". Em The Historiography of Medieval Portugal, c. 1950-2010., editado por José Mattoso, 425-439. Lisboa, Portugal: Instituto de Estudos Medievais.
Oliveira, Luís Filipe. 2012. "Duas Memórias em confronto: A Ordem de Cristo e o concelho de Tomar". Em I Colóquio Internacional. Cister, os Templários e a Ordem de Cristo. Da Ordem do Templo à Ordem de Cristo: Os Anos da Transição. Actas, editado por José Albuquerque Carreiras; Giulia Rossi Vairo, 249-270. Tomar: Instituto Politécnico de Tomar.
Oliveira, Luís Filipe; Fernanda Olival. 2012. "Ordens e Poderes: Texto orientador da Sessão". Em As Ordens Militares. Freires, Guerreiros, Cavaleiros. Actas do VI Encontro sobre Ordens Miitares (10 a 14 Março 2010), , 337-337. Vol. 1. Palmela, Portugal: C. M. Palmela.
Oliveira, Luís Filipe. 2012. "As Definições da Ordem de Avis de 1327". Em As Ordens Militares. Freires, Guerreiros, Cavaleiros. Actas do VI Encontro sobre Ordens Miitares (10 a 14 Março 2010), editado por Isabel Cristina Fernandes, 371-388. Vol. 1. Palmela, Portugal: C. M. Palmela.
Oliveira, Luís Filipe. 2011. Bula Ad Ea Ex Quibus, de João XXIII, pela qual é instituída a Ordem de Cavalaria de Nosso Senhor Jesus Cristo. Direcção Geral de Arquivos / DRCultura Lisboa.
Oliveira, Luís Filipe. 2011. A Cultura em Conferência: Textos das conferências realizadas entre Outubro de 2010 e Janeiro de 2011. Faro, Portugal: Universidade do Algarve - Direcção Regional de Cultura do Algarve.
Oliveira, Luís Filipe; Olival, Fernanda. 2010. "Avis, Ordem de". Em Dicionário Histórico das Ordens e Instituições afins em Portugal. Lisboa, Portugal: Gradiva. http://hdl.handle.net/10174/2569
Olival, Fernanda; Oliveira, Luís Filipe. 2010. "Cristo, Ordem de". Em Dicionário Histórico das Ordens e Instituições afins em Portugal s em Portugal, 564-574. Lisboa, Portugal: Gradiva. http://hdl.handle.net/10174/2572
Oliveira, Luís Filipe; Fernanda Olival. 2010. "Santiago, Ordem de". Em Dicionário Histórico das Ordens e Instituições afins em Portugal, 595-602. Lisboa, Portugal: Gradiva.
Oliveira, Luís Filipe. 2010. "Templários". Em Dicionário Histórico das Ordens e Instituições afins em Portugal, 604-608. Lisboa, Portugal: Gradiva.
Oliveira, Luís Filipe. 2010. "Para o estudo da Religiosidade dos Freires: As fontes e Alguns problemas". Em Ordens Militares e Religiosidade. Homenagem ao Professor José Mattoso, editado por Isabel Cristina Fernandes, 23-30. Palmela, Portugal: C. M. Palmela.
Oliveira, Luís Filipe; Fontes, João Luís Inglês. 2010. "9º Curso sobre Ordens Militares. Ordens Militares e Religiosidade". Lusitânia Sacra, (22): 275-277.
Luís Filipe Oliveira. 2009. "Fidalgos, Cavaleiros e Vilões: As ordens militares de Avis e de Santiago". Militarium Ordinum Analecta, (11): 145-161. http://www.cepese.pt/portal/pt/publicacoes/obras/militarium-ordinum-analecta-n.o-11
Oliveira, Luís Filipe. 2009. A Coroa, os Mestres e os Comendadores: As Ordens Militares de Avis e de Santiago (1330-1449). Faro, Portugal: Universidade do Algarve.
Oliveira, Luís Filipe. 2009. "O mosteiro de Santos, as freiras de Santiago e o culto dos Mártires". Em Olhares sobre a História. Estudos oferecidos a Iria Gonçalves, editado por Maria Themudo Barata, 429-436. Lisboa, Portugal: Cleidoscópio.
Oliveira, Luís Filipe; Philippe Josserand. 2009. "Maestrazgo". Em Prier et Combattre. Dictionaire européen des ordres militaires au Moyen Age. Paris: Fayard.
Oliveira, Luís Filipe. 2009. "Gomes Lourenço de Beja". Em Prier et Combattre. Dictionaire européen des ordres militaires au Moyen Age, Editado por Nicole Bériou; Philippe Josserand. Paris, França: Fayard.
Oliveira, Luís Filipe. 2009. "Gil Martins do Outeiro". Em Prier et Combattre. Dictionaire européen des ordres militaires au Moyen Age Editado por Nicole Bériou; Philippe Josserand. Paris, França: Fayard.
Oliveira, Luís Filipe. 2009. "Silves". Em Prier et Combattre. Dictionaire européen des ordres militaires au Moyen Age Editado por Nicole Bériou; Philippe Josserand. Paris, França: Fayard.
Oliveira, Luís Filipe. 2009. "Lisboa". Em Prier et Combattre. Dictionaire européen des ordres militaires au Moyen Age Editado por Nicole Bériou; Philippe Josserand. Paris, França.
Oliveira, Luís Filipe. 2009. "Pedro de Barcelos". Em Prier et Combattre. Dictionaire européen des ordres militaires au Moyen Age Editado por Nicole Bériou; Philippe Josserand. Paris, França: Fayard.
Oliveira, Luís Filipe. 2008. "A Comenda de Cacela e a Visitação de 1478-1482". Em Sic Memorat. Estudos em Homenagem a Teresa Júdice Gamito, editado por Bernardes, J. P., 139-151. Faro, Portugal: Universidade do Algarve.
Oliveira, Luís Filipe. 2008. "Apresentação de A Coroa, os Mestres e os Comendadores: As Ordens Militares de Avis e de Santiago (1330-1449)". Medievalista- on line, (5). https://medievalista.fcsh.unl.pt/MEDIEVALISTA5/medievalista-oliveira.htm
Oliveira, Luís Filipe. 2008. "Prefácio". Prefácio para Santa Maria-A-velha da Batalha. A Memória da Igreja (Séculos XIV a XX)., 5-6.
Oliveira, Luís Filipe. 2007. Lisboa Medieval. Os rostos da cidade. Editado por Luís Krus; Luís Filipe Oliveira; João Luís Inglês Fontes. Lisboa, Portugal: Livros. Horizonte.
Oliveira, Luís Filipe. 2007. "Uma barregã régia, um mercador de Lisboa e as freiras de Santos". Em Lisboa Medieval. Os rostos da cidade, editado por Luís Krus; Luís Filipe Oliveira; João Luís Inglês Fontes, 182-196. Lisboa, Portugal: Horizonte.
Oliveira, Luís Filipe. 2006. Terra de Santa Bárbara. A História, a Igreja e a Memória das gentes de Nexe. Editado por João Pedro Bernardes; Luís Filipe Oliveira. S. Bárbara de Nexe, Portugal: J. F. de Santa Barbara de Nexe.
Oliveira, Luís Filipe. 2006. A Vinha e o Vinho no Algarve. O renascer de uma velha tradição. Editado por João Pedro Bernardes; Luís Filipe Oliveira. Faro, Portugal: CCDRAlg / Eds. Afrontamento.
Oliveira, Luís Filipe. 2006. "Afonso V, the Africain". Em Encyclopedia of the Crusades, editado por Alan V. Murray. Vol. 4. Santa Bárbara, Estados Unidos: ABC Clio.
Oliveira, Luís Filipe. 2006. "Christ Order". Em Encyclopedia of the Crusades, editado por Alan V. Murray. Santa Barbara, Estados Unidos: ABC Clio.
Oliveira, Luís Filipe. 2006. "Dinis, King of Portugal". Em Encyclopedia of the Crusades, editado por Alan V. Murray. Santa Barbara, Estados Unidos: ABC Clio.
Oliveira, Luís Filipe. 2006. "Henry, the Navigator". Em Dinis, King of Portugal, editado por Alan V. Murray. SAnta BArbara, Estados Unidos: ABC Clio.
Oliveira, Luís Filipe; João Pedro Bernardes. 2006. "A Descoberta do Vinho". Em A Vinha e o Vinho no Algarve. O renascer de uma velha tradição, editado por João Pedro Bernardes; Luís Filipe Oliveira, 13-24. FAro, Portugal: CCDRAlg / Eds. Afrontamento.
Oliveira, Luís Filipe. 2005. "Las Ordenes Militares en Portugal". Em Las Ordenes Militares en la Europa Medieval, editado por Carlos de Ayala Martínez; Feliciano Novoa Portela, 137-165. Madrid, Espanha: Lunwerg.
Oliveira, Luís Filipe. 2005. "Os Cavaleiros de Carneiro e a herança da cavalaria vilã na Estremadura. Os casos de Arruda e de Alcanede". Em Muçulmanos e Cristãos entre o Tejo e o Douro (séculos VIII a XIII). Actas dos Seminários realizados em Palmela, 14 e 15 de Fevereiro de 2003, Porto, 4 e 5 de Abril de 2003,, editado por Mário Barroca; Isabel Cristina Fernandes, 159-166. Palmela / Porto, Portugal: C. M. Palmela / Faculdade Letras da Universidade do Porto.
Oliveira, Luís Filipe. 2005. "O Livro dos bens de Luis Mendes de Refoios em Sarzedas e na Sobreira Formosa". Em Paisagens Rurais e Urbanas., Fontes, Metodologias, Problemáticas. Actas das Primeiras Jornadas (Novembro 2002), editado por Iria Gonçalves, 169-205. Lisboa, Portugal: Centro de Estudos Históricos- Nova de Lisboa.
Oliveira, Luís Filipe. 2005. "Em demanda das Visitações da Ordem de Santiago: As Actas anteriores a 1468". Em As Ordens Militares e as Ordens de Cavalaria na Construção do Mundo Ocidental. Actas do IV Encontro Sobre Ordens Militares, (Palmela, 30 de Janeiro a 2 de Fevereiro de 2002), editado por Isabel Cristina Fernandes, 517-535. Lisboa, Portugal: Colibri.
Oliveira, Luís Filipe. 2004. "Entre a Aldeia e o Concelho: A Comunidade Rural de Rio Maior na Idade Média". Revista Arquipélago. História, (8): 221-236. http://hdl.handle.net/10400.3/402
Oliveira, Luís Filipe. 2004. Actas do II Encontro de Arqueologia do Sudoeste Peninsular (Faro, 7 e 8 Novembro de 1996). Editado por Teresa Júdice Gamito; Nuno Ferreira Bicho; Luís Filipe Oliveira. Faro, Portugal: Promontoria Monográfica / Universidade do Algarve.
Oliveira, Luís Filipe. 2004. "Outro Venturoso de finais do século XV: Francisco Coutinho, conde de Marialva e de Loulé". Em Alta Nobreza e a Fundação do Estado da India. Colóquio Internacional. Actas (Lisboa, 16 a 20 Outubro de 2001), 45-56. Lisboa, Portugal: Centro de História de Além-Mar.
Oliveira, Luís Filipe. 2004. "Os Castelos do Leitejo: Um alcácer islâmico na serra de Tavira". Em Actas do II Encontro de Arqueologia do Sudoeste Peninsular (Faro, 7 e 8 Novembro de 1996), 257-263. Faro, Portugal: Universidade do Algarve - Promontoria Monografica.
Oliveira, Luís Filipe. 2002. "Recensão a Património Islâmico dos Centros Urbanos do Algarve: Contributos para o Futuro. Comunicações apresentadas nos Seminários de Faro, Tavira e Loulé, Faro, Comissão de Coordenação Regional, 2002, ". Promontoria. Revista do Dep. de História, Arqueologia e Património da Universidade do Algarve, (1): 147-151. http://hdl.handle.net/10400.1/7092
Oliveira, Luís Filipe; João Pedro Bernardes. 2002. A Calçadinha de S. Brás de Alportel e a Antiga Rede Viária do Algarve Central. S. Brás de Alportel, Portugal: C. M. S. Brás de Alportel.
Oliveira, Luís Filipe. 2002. "Recensão a José António Falcão & Fernando António Baptista Pereira, O Alto.Relevo de Santiago Combatendo os Mouros da Igreja Matriz de Santiago do Cacém, 2ª edição, Beja, 2001". Lusitânia Sacra, (13-14): 697-702.
Luís Filipe Oliveira. 2001. "O Arquivo dos Condes de Marialva num inventário do século XVI". Em Elites e redes clientelares na Idade Média, 221-261. Portugal: Publicações do Cidehus. https://doi.org/10.4000/books.cidehus.5172
Oliveira, Luís Filipe. 2001. "Entre a História e a Memória: Os Coutinhos e a Expansão Quatrocentista". Anais de História de Além-Mar, (2): 115-126.
Oliveira, Luís Filipe. 2001. "Em torno das Casas Senhoriais de finais da Idade Média". Media Aetas , (3-4): 87-102.
Oliveira, Luís Filipe. "O Mestre, o Comendador e o Peixe de Sesimbra". Patrimonia: Identidade, Ciências Sociais e Fruição Cultural, 7 (2001): 49-51.
Oliveira, Luís Filipe. 1999. A Casa dos Coutinhos: Linhagem, Espaço e Poder (1360-1452). Cascais, Portugal: Patrimonia.
Oliveira, Luís Filipe. 1999. "Uma fortificação islâmica do termo de Silves: O Castelo Belinho". Arqueologia Medieval, (6): 39-46.
Oliveira, Luís Filipe; José Mattoso. 1998. Portugal - O Sabor da Terra: Algarve. Editado por José Mattoso; Suzane Daveau; Duarte Belo. Lisboa, Portugal: Círculo de Leitores - Expo Lisboa.
Oliveira, Luís Filipe. 1997. "A Sé de Silves: A Memória da Pedra". Arqueologia Medieval nº 5, 1997, pp. 277-293, (5): 277-293.
Oliveira, Luís Filipe. 1994. "A Arqueologia e o Património Medieval". Em Atlas de Arqueologia. Síntese da Arqueologia em Portugal, 370-379. Lisboa, Portugal: Zairol.
Oliveira, Luís Filipe. 1994. "As Residências dos Coutinhos na região de Lamego (séculos XIV-XV)". Em Actas das V Jornadas Arqueológicas da Associação dos Arqueólogos Portugueses (20, 21, 22 Maio 1993), 299-308. Vol. 2. Lisboa, Portugal: Associação dos Arqueólogos Portugueses.
Oliveira, Luís Filipe. 1994. "Diogo Gomes". Em Dicionário de História dos Descobrimentos Portugueses Editado por Luís de Albuquerque. Lisboa, Portugal: Círculo de Leitores.
Oliveira, Luís Filipe. 1994. "Jaime Ferrer". Em Dicionário de História dos Descobrimentos Portugueses, dirigido por Luis de Albuquerque, 2 Editado por Luís de Albuquerque. Lisboa, Portugal: Círculo de Leitores.
Oliveira, Luís Filipe. 1994. "Gonçalo Pacheco". Em Reinel family Editado por Luís de Albuquerque. Lisboa, Portugal: Círculo de Leitores.
Oliveira, Luís Filipe. 1994. "Miscigenação". Em Dicionário de História dos Descobrimentos Portugueses Editado por Luís de Albuquerque. Lisboa, Portugal: Círculo de Leitores.
Oliveira, Luís Filipe. 1994. ""Duarte Galvão"". Em Dicionário de História dos Descobrimentos Portugueses, dirigido por Luis de Albuquerque. Lisboa, Portugal.
Oliveira, Luís Filipe; Mário Viana. 1993. "A Mouraria de Lisboa no Século XV". Arqueologia Medieval, (2): 191-209.
Oliveira, Luís Filipe. 1992. "Recensão a Amélia Aguiar Andrade, Um Espaço Urbano Medieval: Ponte de Lima,". Penélope, (7): 193-195.
Oliveira, Luís Filipe; Miguel Jasmins Rodrigues. 1992. "Um Processo de Reestruturação do Domínio Social da Nobreza. A Titulação na 2ª Dinastia". Revista de História Económica e Social, (22): 77-114.
Oliveira, Luís Filipe. 1991. Guia de Fontes Portuguesas para a História de África. Lisboa, Portugal: Instituto Português de Arquivos.
Oliveira, Luís Filipe. 1985. "A Expansão Quatrocentista Portuguesa: Um Processo de Recomposição Social da Nobreza". Em Actas das Jornadas de História Medieval.1383-1385 e a Crise Geral dos Séculos XIV-XV, 199-207. Lisboa, Portugal: História & Crítica.
 

Contacto